Torne-se um membro:

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

EDO linear de primeira ordem: exercícios resolvidos (passo a passo) / Parte 1


Uma EDO linear de primeira ordem tem o seguinte formato:

$$y'+P(x)y=Q(x)$$

Chamaremos a forma acima de "forma padrão" da equação (o $$Q(x)$$ é uma expressão na qual o símbolo $$y$$ não aparece). Quando vamos resolver uma EDO desta natureza, devemos identificar quem é $$P(x)$$ (usando manipulações algébricas) em em seguida determinar o chamado "fator integrante" que indicaremos por $$I(x)$$ e é dado por

$$I(x)=e^{\int P(x)\;dx}$$

O resto do procedimento, fica ilustrado na solução abaixo.

Exercício: Resolva a seguinte equações linear de primeira ordem:

$$y'=x+5y$$

Solução: comece escrevendo a equação na forma padrão:

$$y'-5y=x$$

$$y'+(-5)y=x$$

Identifique a função $$P$$:

$$P(x)=-5$$

Calcule a integral de $$P(x)$$:

$$\int P(x)\; dx=\int -5 \; dx = -5x$$

Determine o fator integrante:

$$I(x)=e^{\int P(x)\;dx}=e^{-5x}$$

Multiplique ambos os lados da equação (na forma padrão) pelo fator integrante e reescreva a igualdade:

$$(y'+(-5)y)e^{-5x}=xe^{-5x}$$

$$(y'-5y)e^{-5x}=xe^{-5x}$$

$$y'e^{-5x}-5ye^{-5x}=xe^{-5x}$$

$$y'\cdot e^{-5x}+y\cdot (-5e^{-5x})=xe^{-5x}$$

Use a regra do produto "de trás para frente" no lado esquerdo para obter:

$$\frac{d}{dx}[ye^{-5x}]=xe^{-5x}\;\;\;\;\;(*)$$

Observação: a regra do produto diz que 

$$\frac{d}{dx}[uv] = u'v + uv'$$

Quando estamos resolvendo EDO's lineares de primeira ordem, geralmente utilizamos esta igualdade lendo-a da direita para a esquerda, ou seja, usamos que 

$$u'v + uv' = \frac{d}{dx}[uv]$$

No caso acima, $$u = y$$ e $$v = e^{-5x}$$.

Prosseguindo com a solução, integre ambos os lados da expressão $$(*)$$:

$$\int \frac{d}{dx}[ye^{-5x}]\;dx=\int xe^{-5x}$$

No primeiro membro sobrará apenas a função (isto é, o operador diferencial "desaparecerá") em virtude de que a integral e a derivada são operações inversas (no sentido do TFC). Logo, obtemos

$$ye^{-5x}=\int xe^{-5x}\;dx$$

Utilizando integração por partes no segundo membro obteremos

$$ye^{-5x}=-\frac{1}{5}xe^{-5x}-\frac{e^{-5x}}{25}+C$$

Simplifique o resultado (para tanto, "passe $$e^{-5x}$$ dividindo"):

$$y=-\frac{1}{5}x-\frac{1}{25}+Ce^{5x}$$

Referência: primeiro volume do livro de cálculo de James Stewart.
Erros podem ser relatados aqui.

15 comentários :

  1. Obrigado professor, sua metodologia é muito boa e a compreensão de um assunto difícil, para mim, fica fácil com suas explicações, obrigado também por responder meu email, estou tentando assimilar o máximo sobre EDO e agora, após sua ajuda, tenho material suficiente para um bom início.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Dudu. Que bom que o material lhe ajudou. Agradeço o elogio. Abraço. Pedro R.

      Excluir
  2. Valeu pela dica!!! Muito bom material....

    ResponderExcluir
  3. Dá pra fazer um passo a passo de como integrar xe^-5x dx na parte acima?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Inicialmente, observe que
      $$\int e^{-5x}\;dx=\frac{-e^{-5x}}{5}$$
      Para fazer a conta acima, utilize a técnica da integração por substituição. Agora, vamos para a integral
      $$ \int xe^{-5x}dx $$
      Escreva $$u=x$$ e $$dv=e^{-5x}\;dx$$. Então $$du=1dx$$ e (pela observação inicial) $$v=\frac{-e^{-5x}}{5}$$. Assim, aplicando a fórmula da integração por partes:
      $$\int u\;dv=uv-\int v\;du$$
      $$\int xe^{-5x}\;dx=x\left(\frac{-e^{-5x}}{5}\right)-\int \frac{-e^{-5x}}{5}\;1 dx$$
      $$\int xe^{-5x}\;dx=-\frac{1}{5}xe^{-5x}+\frac{1}{5}\int e^{-5x}\;dx$$
      $$\int xe^{-5x}\;dx=-\frac{1}{5}xe^{-5x}+\frac{1}{5}\left(\frac{-e^{-5x}}{5}\right)+C$$
      $$\int xe^{-5x}\;dx=-\frac{1}{5}xe^{-5x}-\frac{e^{-5x}}{25}+C$$
      Isto mostra que eu errei na conta da postagem. Parabéns por notar que havia algo errado!
      Pedro R.

      Excluir
  4. Agora ficou claro. Nunca que eu chegava no resultado anterior.

    Wesley Oliveira

    ResponderExcluir
  5. Professor, eu queria saber sobre questões clássicas de prova,tipo : identifique as categorias a seguir,como: fundamental, linear homogênea e não homogênea, Bernoulli, Ricatte variáveis separáveis, coeficientes homogêneos. Uma equação pode entrar em mais de uma categoria.
    exs:

    (a) x^2 y' = y − xy,
    (b) yy′ = 2y + 8x^2 y^ 2 ,
    (c) xy ′ = 2 cos(x),
    (d) y^ 2 + xy − x^2 y ′ = 0,
    (e) x^2 y ′ − exp(y) = 0.

    ResponderExcluir
  6. Professor se possível o passo a passo que ao me ver é fundamental para mim , que estou estudando bastante através de seus exemplos, PARABÉNS!!!!!

    ResponderExcluir
  7. Muito bom! Ficou evidente o que se deve fazer e como generalizar.

    ResponderExcluir
  8. Tenho muita dúvida, em equação diferenciais de separação de variáveis com frações do tipo y'/x²=x/y, com y(1)=2 Não sei como começa a desenvolver.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Claire Salles, li sua duvida. Eu tambem tenho dificuldades nessas resoluções, mas acho que ficaria assim:
      CONSIDERANDO QUE Y'= dy/dx;

      teriamos y'. y = x . x² --> dy/dx . y = x³ ---> ydy = x³dx
      Aí vc integra os dois lados achando:
      Y²=x^4/4 + C; onde C = 15, finalizando com Y²=x^4/4 + 15.

      Se alguém puder confirmar minha resposta, fico muito agradecido.

      Excluir
  9. Tenho muita dúvida, em equação diferenciais de separação de variáveis com frações do tipo y'/x²=x/y, com y(1)=2 Não sei como começa a desenvolver.

    ResponderExcluir

Atualizações dos nossos parceiros: